You are currently viewing A Importância da Perda de Peso Antes da Cirurgia Bariátrica

A Importância da Perda de Peso Antes da Cirurgia Bariátrica

Durante as primeiras consultas do paciente que será submetido ao procedimento cirúrgico é comum que o cirurgião estipule, junto ao paciente, uma meta de perda de peso antes da cirurgia bariátrica. Mas qual é a razão disso, já que o motivo inicial de o paciente procurar o método cirúrgico é justamente a dificuldade de emagrecimento?

De modo geral, a perda de peso no pré-operatório, contribui para uma melhora global do estado de saúde do paciente, e tem impacto direto na segurança do procedimento cirúrgico em si e na recuperação do paciente.

O benefício mais importante deste emagrecimento se dá sobre o tamanho do fígado. A grande maioria dos pacientes obesos com indicação de cirurgia bariátrica possui esteatose hepática (que é o acumulo de gordura no fígado), em diferentes graus de intensidade. O fígado gorduroso é maior em relação a um fígado saudável e, devido a seu maior volume, pode dificultar ou até impossibilitar a própria cirurgia num primeiro momento. Riscos maiores de sangramento ou infecções também estão relacionados ao tamanho do fígado, portanto torna-se imprescindível que a diminuição do tamanho hepático seja uma meta atingida no pré-operatório.

A perda de peso também contribui para diminuição da gordura visceral, que é a gordura que se encontra dentro do abdome do paciente ao redor dos órgãos lá localizados. A diminuição desta gordura contribui para diminuir o tempo cirúrgico significativamente, além de reduzir as dificuldades técnicas do procedimento, aumentado a segurança da cirurgia e causando menor risco de complicações durante e após o ato cirúrgico.

O paciente obeso também possui um estado de inflamação do seu organismo, que pode significar maior chance de algumas complicações temidas da cirurgia, como fístulas e tromboembolismo, e sabe-se que a perda de peso antes da cirurgia tem impacto importante na diminuição deste processo. Há também melhora das comorbidades do paciente relacionadas a obesidade, como diabetes, hipertensão e, principalmente, apneia do sono, o que permitirá aumento da segurança do procedimento cirúrgico e da anestesia.

De quanto deve ser essa perda de peso?

A meta de perda de peso geralmente está entre 5% a 10% do excesso de peso do paciente, e uma perda mais acentuada, quando indicada, pode ter impacto positivo direto na quantidade de peso perdida após a cirurgia, além de demonstrar para a equipe multidisciplinar a aderência do paciente ao tratamento.

A perda de peso antes da cirurgia bariátrica deve ser gradual, ao longo dos meses que antecedem a cirurgia, e deve ser acompanhada por um Nutricionista que faz parte de equipe multidisciplinar. A dieta é geralmente hipocalórica, ou seja, restringe a quantidade total de calorias que o paciente irá ingerir, e promove a perda necessária e indicada para cada paciente.

Portanto, o comprometimento do paciente em atingir as metas de perda de peso, com ajuda da equipe multidisciplinar, é fundamental, e além dos benefícios que traz para a sua saúde, permite a realização da cirurgia com maior segurança e contribui para a recuperação e melhora dos resultados dos pacientes.

 

Dr. Nathan Rostey CRM 180.456

Deixe um comentário